Ascom SFI

Ascom SFI

Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de São Francisco do Itabapoana.
Responsável: Diego Gomes Santos

Astrazeneca, Coronavac e Pfizer são os três imunizantes autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), cujas bulas determinam a necessidade de segunda dose para concluir o esquema vacinal contra o novo coronavírus (Covid-19). A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana (SFI) alerta a população para que não deixe de comparecer para receber a chamada D2.

“Manusear as vacinas exige muitos cuidados e regras. Desde o início da campanha de vacinação, nossos profissionais vêm atuando com maestria. Atualmente, chegamos a mais de 56% de toda a população completamente imunizada. Precisamos sempre do auxílio da população para evitar o descarte de vacinas”, pontuou o coordenador do Setor de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Cristiano de Souza.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, as equipes dos nove polos de imunização entram em contato com cada paciente para avisar do agendamento. “Esta é mais um medida para evitar transtornos durante este processo. Sendo assim, se você confirmar a presença, não deixe de ir”, afirmou.

Imunizada em agosto com a segunda dose da Astrazeneca, a prefeita Francimara Barbosa Lemos, ressalta mais uma vez que é graças à vacinação que os índices epidemiológicos seguem em queda. “Com a colaboração de todos, estamos saindo desta situação. Vacine-se, pois vacinas salvam vidas”, destacou.

Pais e responsáveis têm até o próximo dia 30 para levar crianças e adolescentes menores de 15 anos ao polo do Programa Saúde da Família (PSF) mais próximo de sua residência para participar da Campanha de Multivacinação. Em São Francisco de Itabapoana (SFI), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) dispõe de nove locais.

“O objetivo da campanha é atualizar a situação vacinal dos menores de 15 anos, contribuindo assim o controle, eliminação e erradicação de doenças imunopreveníveis, como coqueluche, poliomielite, difteria, tétano e catapora”, destacou o coordenador do Setor de Imunização da SMS, Cristiano de Souza. Ele informou que a campanha terminaria no último dia 29, mas foi prorrogada pelo Governo Federal.

O secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, lembrou que os estoques de vacinas são fornecidos pelo Ministério da Saúde. Além disso, a campanha de multivacinação acontece em dias diferentes à imunização contra o novo coronavírus (Covid-19). “Desta forma, é de suma importância que os responsáveis compareçam no PSF, com a Caderneta de Vacinação da criança e demais documentos pessoais para receber todas as orientações pertinentes”, finalizou.

Os locais que abrigam os polos de PSF funcionam de segunda a sexta-feira, entre 8h e 16h30. São eles: Clínica da Família Germano Barros Delgado, no Centro; e Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Barra do Itabapoana, Bom Lugar, Travessão de Barra, Praça João Pessoa, Guaxindiba, Gargaú, Imburi e Floresta.

Com o objetivo de incentivar a inclusão no mercado de trabalho, a Prefeitura de São Francisco de Itabapoana (SFI) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) promoveram nesta quinta-feira (4) uma consultoria para os alunos dos cursos promovidos pelo departamento de Geração de Trabalho e Renda (GTR).

O evento aconteceu na Câmara Municipal e foi conduzido pelo analista do Sebrae-Campos, Michel Rodrigues. Ele abordou diversos temas pertinentes à rotina do Microempreendedor Individual (MEI), como o pagamento do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS). O coordenador regional Norte Fluminense do Sebrae, Guilherme Reche, também participou, realizando a abertura. 

A responsável pela Sala do Trabalhador e do Empreendedor da Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Humano (SMTDH), Rebeca Carvalho, explicou que, após a consultoria, foi oferecido agendamento para atendimento individualizado para os cerca de 200 participantes. “O cadastro de MEI será um dos serviços que poderão ser realizados por meio desta importante parceria estabelecida através do secretário municipal de Trabalho e Desenvolvimento Humano, Fagner Azeredo, e da prefeita Francimara Azeredo”, disse.

O diretor do GTR, Júnior Junqueira, explicou que a SMTDH, além de se preocupar com a qualificação, também investe para facilitar a entrada dos formados no mercado. “O Banco do Empreendedor foi outro parceiro que se disponibilizou a ofertar agendamentos para, de forma individual, apresentar as facilidades oferecidas pela instituição”, afirmou.

São Francisco de Itabapoana (SFI) registrou o aparecimento de mais um ratão-do-banhado (Myocastor coypus), espécie rara na região, sendo o terceiro surgimento que se tem conhecimento na história do município, todos neste ano. Ao contrário das outras duas vezes, nesta mais recente, o animal, que é do sexo feminino, estava vivo.

“Fomos avisados pela equipe do CTA - Serviços em Meio Ambiente, empresa que presta serviços à Petrobras. O ratão-do-banhado se encontrava nas imediações da Praia de Lagoa Doce. A Guarda Ambiental (GAM) realizou o resgate, com o apoio de agentes da Emtransfi (Empresa Municipal de Trânsito), e posteriormente o animal foi encaminhado para o Centro de Biociências e Biotecnologia (CBB) da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), em Campos”, informou a secretária municipal de Meio Ambiente, Luciana Soffiati.

Primeiros registros - Os dois primeiros surgimentos de animais da espécie no município ocorreram no mês de setembro último, em um intervalo de apenas três dias. Na ocasião, a professora Caryne Aparecida de Carvalho Braga, do CBB da Uenf, esclareceu que o roedor é considerado umas das 100 piores espécies invasoras do mundo, recebendo esta classificação devido ao potencial de se instalar rápido e se reproduzir com eficiência, podendo provocar desequilíbrios no ambiente.

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) realizou nesta quarta-feira (3) a vistoria em Santa Clara, São Francisco de Itabapoana (SFI), para concessão da licença ambiental, que vai permitir dar início às obras de drenagem na localidade, solucionando os problemas de alagamento com as águas da chuva. O resultado deve sair até o próximo dia 15. A antecipação da análise ocorreu após intervenção da prefeita Francimara Barbosa Lemos, através do deputado federal Aureo Ribeiro. 

“Estamos bem próximos de iniciarmos as obras definitivas para resolver os alagamentos em Santa Clara, por intermédio do Programa Estado Presente, que vai executar o projeto elaborado pela equipe de engenharia da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento. Agradeço ao deputado Aureo, ao presidente do Inea, Philipe Campello, à equipe regional do órgão e ao governador Cláudio Castro, que tem uma atenção especial com o nosso município”, declarou a prefeita Francimara.
 
O secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento, Florentino Cerqueira Azevedo, o Tininho, acompanhou os trabalhos. “O superintendente regional do Inea, Frederico de Almeida Pereira, juntamente com sua equipe, realizou a vistoria. A previsão é de que, estando tudo de acordo, a licença ambiental seja concedida na primeira quinzena deste mês. Esta é a última etapa que falta para o início das obras de drenagem em Santa Clara, que devem durar aproximadamente sete meses”, informou Tininho. 
 
Acompanharam a vistoria a equipe da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento, incluindo o subsecretário, Alex Favorett; a secretária Particular, Joana Ramos, e o assessor de Gabinete Augusto Alves.  
 

Uma operação entre os órgãos que compõem a Secretaria Municipal de Segurança, Ordem Pública e Defesa Civil

(Sesep) de São Francisco de Itabapoana (SFI) fiscalizou o comércio ambulante nas imediações dos três maiores cemitérios - Centro, Gargaú e Barra do Itabapoana - durante o feriado nacional de Finados, nessa terça-feira (2). 
 
Agentes e viaturas do Departamento de Posturas, da Empresa Municipal de Trânsito (Emtransfi) e da Guarda Civil Municipal percorreram os locais para auxiliar também no tráfego de pedestres e veículos nas imediações dos locais. 
 
“Aproveitamos a oportunidade para conscientizar os comerciantes ambulantes acerca da necessidade de realizar o cadastro temporário para a venda de flores. Outra orientação foi a proibição do comércio de bebidas alcoólicas nas proximidades dos cemitérios. A medida será adotada a a partir do próximo ano para garantir que as homenagens do dia sejam prestadas da melhor forma possível”, afirmou o secretário municipal de Segurança, Ordem Pública e Defesa Civil, subtenente Edson Brito.
 
 

Welton Caldeira, proprietário da Lanchonete Lá Casa dos Salgados, em Praça João Pessoa, São Francisco de Itabapoana (SFI), é mais um que aderiu ao Projeto Óleo Legal da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema). O comerciante manteve contato com a Sema e na quarta-feira (27) entregou 70 litros de óleo de cozinha usado, recebendo em troca 35 vidros de detergente de 500 ml cada.

“Parabenizamos a iniciativa dele em se preocupar com o meio ambiente, evitando assim a contaminação do solo e da água. Antes de saber da existência do projeto, o comerciante admitiu que descartava o óleo de forma inadequada. Todos na lanchonete ficaram muito felizes pela ação solidária e também pelos detergentes recebidos”, ressaltou o subsecretário municipal de Meio Ambiente, Manoel Mendes.

A titular da pasta, Luciana Soffiati, informou que o óleo para ser recolhido é preciso estar devidamente armazenado em garrafa pet, sem adição de água ou restos alimentares. O material é destinado a uma empresa, que realiza o tratamento do resíduo, ofertando ao município os detergentes.

“Esperamos que a conscientização cresça cada vez mais. Além de impedir a contaminação dos lençóis freáticos, o projeto contribui para que possamos receber o ICMS Ecológico. O ponto de entrega é a sede da Sema, na Avenida Vereador Edenites da Silva Viana nº 230/Alto, ao lado da Secretaria Municipal de Agricultura, no Centro. O horário é das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. Para cada dois litros de óleo, será doado um vidro de detergente”, finalizou Luciana.

Com o apoio da Prefeitura de São Francisco de Itabapoana (SFI), sete atletas de kickboxing do Centro de Treinamento de Santa Clara conquistaram quatro títulos de campeão e três de vice-campeão durante competição no último fim de semana, na Associação Atlética Cabofriense, na cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos. O evento de nível estadual foi organizado pela Confederação Brasileira de Kickboxing (CBK).

Foram premiados campeões os seguintes lutadores: Dasley, 9 anos, o irmão dele Cleiton, 15 anos, e Vitor Hugo, 15 anos, os três moradores em Santa Clara, além de Ítalo, 25 anos, de Gargaú. Já os vice-campeões foram: Levi, 28 anos, de Gargaú, Maria Eduarda, 20 anos, do Centro, e Vagner Coelho, 24 anos, de Pingo D’Água. Dois atletas não competiram por ausência de luta: Felipe e Maria Fernanda, ambos com 12 anos e residentes em Santa Clara.

O responsável pelo Centro de Treinamento, o guarda municipal Levi Vitorino de Almeida, mestre nas atividades de artes marciais em kickboxing, muay thai e capoeira, faixa marrom de karatê e ex-atleta lutador profissional, destacou a importância do projeto.

“Estamos iniciando um trabalho grandioso com muito sucesso no município. Agradecemos o apoio da Prefeitura de SFI, da nossa Prefeita Francimara, das secretarias de Esporte, Turismo e Educação. O Centro de Treinamento tem o objetivo de produzir atletas que já estavam na região adeptos da Associação São Franciscana de Artes Marciais. Viemos para direcioná-los. Em breve vamos inaugurar mais uma academia em Barra do Itabapoana”, ressaltou mestre Levi.

De acordo com dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de São Francisco de Itabapoana nesta quarta-feira (3), o município conta com 3.744 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19). Em investigação são 303. Já os descartados somam 6.878.

Ainda segundo os dados da SMS, entre os casos confirmados, 3.658 estão recuperados. Até o momento foram registrados 97 óbitos pela doença. 

Outra taxa informada pela SMS é a de ocupação. Tanto os leitos clínicos, quanto os com suporte de ventilação não registram ocupação desde o boletim de 31/10/2021. 

Atualmente, SFI está com taxa de recuperação em 96,93%, ligeiramente maior que a média nacional (96,28%). Já a taxa de letalidade está em 2,57%, enquanto que a do Estado do Rio de Janeiro é de 5,17%.

Conforme atualização da Secretaria de Estado de Saúde (SES) na última sexta-feira (29), o Norte Fluminense está no risco Baixo no Mapa de Risco da Covid-19.

Os materiais para análise dos casos suspeitos são encaminhados ao Laboratório Central (LACEN/RJ), seguindo rigorosamente os protocolos de coleta, armazenamento e envio do Ministério da Saúde.

Acompanhado de secretários, assessores e vereadores, o vice-prefeito de São Francisco de Itabapoana (SFI), Raliston Souza, participou do início das operações da empresa Águas do Rio, na manhã desta segunda-feira (1). À partir desta data a concessionária é a responsável pelos serviços de água no município. A concessão estadual também prevê a implantação de coleta e tratamento de esgoto, que está em fase de planejamento. 

A comitiva municipal visitou a unidade de tratamento de Gargaú, onde foram apresentados os detalhes da dinâmica de funcionamento e o cronograma de trabalhos. 
 
Raliston lembrou que, coordenada pela prefeita Francimara Barbosa Lemos, a municipalidade vem se reunindo com a concessionária para garantir que o melhor serviço seja prestado à população. “Através de parcerias e do estabelecimento de diálogo, estamos na expectativa de que, com toda a estrutura da nova concessionária, tenhamos uma importante melhora no abastecimento. Acompanharemos todo este processo de perto”, pontuou. 
 
O diretor-executivo da Águas do Rio, José Carlos Almeida, detalhou novidades, como o aumento no número de clientes na tarifa social, que passará de 1% para 5% da população, no mínimo. Ele também afirmou que os valores cobrados não sofreram reajustes. Além disso, eventuais débitos com a Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae) deverão ser negociadas com a antiga empresa.
 
“Estamos chegando para melhorar a vida das pessoas. Não tenham dúvidas disso. A partir de pedido da prefeita Francimara, daremos desconto de 50% e dividiremos a taxa de ligação de água”, pontuou. Ele acrescentou que já foram investidos R$ 300 mil para o monitoramento on-line da rede, conectada à central no Rio de Janeiro.
 
Os vereadores Alexandre Barrão e Mazinho de Caboclo e os secretários municipais de Planejamento e Desenvolvimento, Florentino Cerqueira, e de Governo e Relações Institucionais, Jairo Batista, também participaram e solicitaram melhorias. 
 
Estava prevista para esta segunda o início dos trabalhos para a extensão da rede de água para a rua Manoel de Lima Martins, na área central, mas a chuva adiou os trabalhos, que contemplarão cerca de 300 metros.